Plantas companheiras ou associações de cultivo favoráveis

plantas-companheiras

Tenho repetido várias vezes que plantar uma mistura diversificada de plantas contribui para uma horta ou jardim biodiverso, logo mais saudável. Quando fazemos um plano de cultivo da horta devemos considerar a plantação em associação de plantas amigas ou como se diz vulgarmente, plantas companheiras. Este é o tipo de cultivo de determinadas combinações de plantas em benefício de uma delas ou ambas.

Um dos fatores que pode afetar o agrupamento de cultivos (associações favoráveis) é por exemplo, a altura de semear e plantar e até mesmo colher. Vale sempre o esforço e tenho colocado sempre que possível em prática, no planeamento dos cultivos da nossa horta.

Planear os cultivos da horta ou jardim tendo como referência a interacção de plantas companheiras vai ajudar na utilização do espaço de forma mais eficiente.  Algumas plantas podem cobrir o solo enquanto outras crescem na vertical, permitindo que as duas possam crescer em simultâneo na mesma área e ainda evitar problemas provocados por algumas pragas mais frequentes. Algumas plantas podem por exemplo fornecer sombra para as plantas com porte mais pequeno e sensíveis ao sol.

plantas companheiras

 Canteiro com associação de tomate, manjericão, alface e beterraba

O que são Plantas companheiras?

São plantas pertencentes a espécies ou famílias que se ajudam e complementam mutuamente, não apenas na utilização do espaço ou solo, mas ainda na utilização da água, luz e nutrientes. Existe ainda interacções bioquímicas chamadas de efeitos alelopáticos que podem ser de natureza estimuladora ou inibidora, não somente entre plantas, mas também em relação a insetos amigos ou prejudiciais e outros animais.

Plantas da família das “solanáceas” (tomate, batata, pimentos, etc..) e as da família das “compostas”, como alfaces e chicórias combinam bem entre si.
As alfaces e chicórias também combinam bem com “umbelíferas” (cenouras, aipo, salsa) e com as “liliáceas” (alho e cebola).

plantas companheiras

Como podemos beneficiar das plantas companheiras?

Alguns exemplos práticos de associações favoráveis de plantas

 

1. Rosas e alhos: O alho pode ajudar a repelir as pragas das roseiras

2. Tomate e repolho: O cheiro do tomateiro é repelente para as larvas da traça, que são lagartas que fazem grandes buracos nas folhas de couve.

3. Calêndulas e melões: Certas variedades de calêndula ajudam a controlar os nematóides nas raízes de melão de forma tão eficaz como tratamentos químicos.

4. Pepinos e chagas ou capuchinhas: Chagas também conhecidas por capuchinhas ajudam a repelir besouros e outras pragas do pepino.

5. Milho e feijão: O feijão vai atrair insetos benéficos que atacam as pragas do milho, como cigarrinhas. Se o feijão for de trepar pode ainda aproveitar os caules de milho para o efeito.

6. Couve-flor e Zínias: O néctar das zínias anãs ajuda a atrair joaninhas e outros predadores que ajudam a proteger couve-flor.

7. Rabanetes e espinafres: Plantar rabanetes entre os espinafre vai afastar pragas dos espinafres e não entram em conflito no crescimento no espaço para crescimento.

Mais exemplos de plantas companheiras – associações favoráveis

  • Batata: alho, beringela e urtiga
  • Beterraba: cebola
  • couve: artemísia, sálvia, alecrim e tomilho
  • Feijão: nabo, segurelha, alecrim e milho
  • Nabo: alecrim e hortelã
  • Morangueiro: alface, cebolas e espinafres
  • Repolho: cebola e estragão
  • Tomate: cravo túnico, manjericão

 

Façam o download da tabela de cultivos favoráveis e desfavoráveis:

Download!

 

milho e feijão

Milho e feijão plantados em associação num pequeno canteiro

Nem sempre é fácil fazer algumas associações de cultura e ter em conta outro cuidado que pode ajudar na prevenção de pragas, como a rotação de culturas (poder ler mais sobre este tema neste artigo).

Espero que vos sejam úteis as dicas de associações quando vão planear semear ou plantar a vossa horta. Bons Cultivos!

 

Tenho ainda uma sugestão!

Se este artigo vos deixou com vontade de colocar as mãos na terra e iniciar  a vossa horta, tenho um workshop para vos ajudar! Aprendem na prática a cultivar a vossa primeira horta de hortícolas e aromáticas em vasos, varandas, pátios e outros pequenos espaços.

[cliquem na imagem para mais informações]