Como cultivar favas na horta

Talvez não seja apreciador de favas, mas saiba que existe um duplo benefício de cultivar favas na horta, pois além de ser um cultivo bastante produtivo, ainda ajuda a fixar azoto no solo. Isto acontece para outras leguminosas, como ervilhas por exemplo. Talvez por isso, nunca deixo estes cultivos de lado, até porque são aquelas sementeiras que podemos fazer mesmo na época de frio (Outono e Inverno).

Neste artigo, partilho algumas dicas para cultivar favas e tratar dos problemas mais comuns no cultivo desta leguminosa, quer em canteiro ou mesmo em vaso. Não são muito exigentes, mas gostam de solos bem drenados (fofinho), devendo retirar todas as infestantes e garantir que nunca fica encharcado, sobretudo na altura de chuvas.

Se quiserem aprender a plantar, semear, cuidar e colher de uma horta em casa como um verdadeiro agricultor urbano vejam o meu Curso Online Horta Urbana.

cultivar favas

Como e quando semear favas

  • Quando: de meados do Outono a início da Primavera.
  • Tipo de sementeira: prefere sementeira direta no local definitivo
  • Profundidade: aproximadamente 3-5 cm
  • Semear em grupos de 2 e separar cada grupo a 10-15 cm
  • Tempo médio de germinação: 10 a 15 dias
  • Após germinação, deixar apenas 1 fava em cada grupo germinado, retirando as restantes para transplantar (com cuidado, mas pouco aconselhado) ou colocar na compostagem
  • Truque para germinar mais depressa: hidratar com alguma antecedência as favas, colocando-as em água no dia anterior à sementeira.

Dicas para cultivar favas em vaso

  • Volume mínimo de vaso necessário: 20 litros
  • Adicionar húmus de minhoca 8 semanas depois de semear
  • Adicionar fertilização rica em fósforo e potássio na fase de floração – produção de vagens

Dicas de manutenção e prevenção de pragas

  • Associações favoráveis: repolho, espinafre e alface
  • Associações desfavoráveis: cebola, alho, alho francês e ervilha
  • Não fazer fertilizações ricas em azoto, já que favorece o aparecimento de pragas comuns como piolho e pulgão. Optar por acrescentar matéria orgânica e fertilização rica em fósforo e potássio. Podem ser adicionadas cinzas de madeira, mensalmente. (vejam aqui um vídeo sobre fertilização)
  • Precisam de ser tutoradas: ao contrário das ervilhas, não têm forma de se fixarem a suportes. Assim, à semelhança de legumes como o pimento ou tomate, devem ser tutoradas e fixadas a canas que ajudem a suportar o seu peso. Como podem crescer até quase 1 m de altura, esta é uma técnica importante para evitar que venham a cair com o vento.

Quando e como colher favas

As vagens das favas podem ser colhidas ainda bem tenras, logo que tenha uma dimensão aproximada à palma da mão. Deste modo podem ser consumidas por completo, à semelhança do feijão verde. Em alternativa, pode esperar que os grãos da fava fiquem mais maduros, deixando a vagem na planta até perceber que podem ser colhidos.

Pragas comuns ao cultivar favas

Não se esqueça de guardar e partilhar com amigos e familiares estas dicas para cultivar favas! Se quiser receber dicas e novidades minhas todas as semanas, subscreva a minha newsletter. Sugiro ainda que passe também pelo meu canal de youtube onde partilho vários vídeos com dicas para esta época de cultivo.

Para iniciar uma horta ou ter mais sucesso nos cultivos durante as 4 estações, tenho uma sugestão (clicar na imagem em baixo)!

Slider
Guardem este Pin! (passem ainda pelo meu pinterest)
Como-cultivar-favas-na-horta-1

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *