Como tratar pragas – Inseticida natural #1

with 11 comentários

pragas-na-horta-cultivos-da-caseiro

 

Se há coisa que me dá imensa satisfação, é observar o crescimento de tudo que tenho plantado lá fora. Passear nos dias de sol e perceber que as sementeiras já feitas estão a germinar. As flores aparecem de um dia para o outro com cores maravilhosas (no momento tenho umas anémonas floridas). Mas, como diz o ditado, nem tudo são rosas e por vezes temos umas surpresas menos agradáveis, como é o caso das pragas.

 

À uns dias, durante os meus passeios pelo jardim, observei um ataque inesperado ao alho, alho-francês, cebolinho e as frésias que já tinham germinado. Estavam todos infestados com a mesma praga, uns pulgões pretos que se confundem com o piolho por fazerem parte do mesmo grupo de insetos de corpo mole (designadas por afídeos).

Existem muitas espécies de pulgões e de várias cores. Amarelos, verdes, pretos, cor-de-rosa, brancos-cinzentos ou castanhos. Há mais de uma centena de variedades diferentes. São mais frequentes em tempos quentes, como Primavera-Verão, mas como tivemos à duas semanas temperaturas altas para esta época, quase Primaveris, foram ideais para proliferarem.

 

Contra as pragas na horta, o melhor método à sempre a prevenção (vejam este artigo), mas quando esta falha, temos que atuar de modo imediato. Deixo-vos a receita do preparado de inseticida que resolvi fazer e aplicar e que resultou com grande eficiência. Passado 2, 3 dias da aplicação, o pulgão desapareceu em cerca de 90%.

Este insecticida é fácil de preparar e combate várias pragas, nomeadamente afídeos (pulgão e piolho), cochonilha, formiga e lagartas e leva apenas 5 ingredientes: água, sabão natural, malaguetas, alho e cebola.

tratar pragas na horta

Como preparar o insecticida natural?

Ingredientes

  • 1 Litro de água
  • 150 g de alho
  • 150 g de cebola
  • 150 g de malagueta fresca ou 75 g de malagueta seca
  • 150 g de sabão natural**

**pode ser qualquer sabão rosa, azul ou outro sabão natural como o de côco

insecticida-natural-para-tratar-pragas-na-horta

Método de preparação

Método 1: Ferver todos os ingredientes durante 15 min. diliundo à posterior o sabão nesta mistura. Deixar arrefecer e coar. Sem diluição, aplicar com pulverizador.

Método 2: Colocar todos os ingredientes num bule e juntar água a ferver. Deixar macerar a mistura durante 3-5 dias, agitando a mistura 1x dia. No final, coar e aplicar diluindo a mistura de 1 para 5.

 

Como Aplicar o insecticida Natural?

A aplicação de insecticidas de origem natural deve ser feita ao final do dia, ou em dias com pouco sol mas sem chuva uma vez que são foto-degradáveis.

Frequência para aplicar: 1 vez por semana. Pode aumentar a frequência dependendo da incidência do ataque da praga em questão.

 

Resultados da aplicação

Vejam as imagens dos alhos 3 dias após aplicação!

alhos-da-horta-sem-pragas

Os alhos depois da aplicação do Insecticida Natural

fresias-com-pragas

Frésias antes da aplicação do Insecticida Natural

fresias-sem-pragas

Frésias após aplicação do Insecticida Natural

Podem ver na prática como preparar e aplicar o fertilizante natural descrito. Espero que gostem e possam partilhar. Bons cultivos!

 

Tenho ainda uma sugestão!

Se pretendem aprender a identificar, prevenir e combater pragas e doenças, tenho um workshop para vos ajudar! Aprendem na prática métodos de fertilização orgânica (preparação de biofertilizantes e biopesticidas).

[cliquem na imagem para mais informações]

workshop-receitas-naturais-para-a-horta

Follow A Caseiro:

Sou a Caseiro e amo cultivar! Todos os dias cultivo alimentos, mas também experiências novas que me enchem a alma.

11 Responses

  1. […] Tratamentos de pragas: designamos por inseticidas e basicamente limitam o desenvolvimento dos bichinhos que vemos a olho nu, como piolho, pulgão, lagartas, formigas, cochonilha, etc. Já abordei este tema no artigo anterior com receita para um inseticida natural. […]

  2. […] quente, com temperaturas pouco amenas que mais parecem de Verão, é propícia ao aparecimento de muitas pragas e algumas doenças da horta à […]

  3. […] as duas possam crescer em simultâneo na mesma área e ainda evitar problemas provocados por algumas pragas mais […]

  4. Helena Montez
    | Responder

    Olá, Susana, sou a Helena Montez, estive presente no curso de aromáticas que deste na Quinta da Alagoa há dois anos. Ainda te chateei umas vezes com dúvidas que tinha 😉 Agora já não tenho aromáticas na varanda. Tenho uma casa com jardim onde herdei do anterior dono umas árvores de fruto e milhentas roseiras mas tenho uma nectarineira que está com qualquer coisa muito forte (toda avermelhada e encaracolada). As maceeiras também estão a começar a ficar com bicho. (as folhas a enrolar ligeiramente) Fora isso estão carregadas. Enfim, tentei fazer este insecticida natural mas 1 litro de água deu pra muito pouco. num frasco de Ajax ficou para aí a 1/5. E ficou muito espesso. É assim mesmo? Se calhar fiz bem. era só pra confirmar. Eu fervi tudo 15 minutos e depois baixei o lume e fiquei a diluir o sabão montes de tempo. hehe.

    Beijinhos e parabéns por este site maravilhoso!

    • A Caseiro
      | Responder

      Olá Helena, adorei saber que afinal ainda segue as pegadas do verde e dos cultivos em casa, que maravilha 🙂 Lembro-me perfeitamente desse workshop e do entusiasmo demonstrado!
      A receita pode ficar um pouco espessa quando arrefece (normal), mas basta aquecer um pouco para diluir de novo. Se ainda assim estiver espessa, basta diluir com um pouco de água para facilitar a pulverização. Esta receita é eficaz em toda a bicharada de corpo mole, nomeadamente piolhos e pulgões, moscas brancas, ácaros e cochonilhas.
      Se houver ataque de fungos e vírus (as árvores estiverem com doenças) tem que ter tratamento diferente. Espreita aqui neste artigo: http://cultivosdacaseiro.pt/cultivar-experiencias/controlo-doencas-da-horta-jardim-receita-natural/

      Espero poder ajudar! Beijinho

  5. […] À semelhança da Primavera, o Outono, que chega já este mês, é uma estação ideal para cultivar grande variedade de plantas na horta. As temperaturas ainda são bastante amenas o que favorece as sementeiras  e plantações no exterior, sem grandes preocupações com o frio. É uma boa altura para limpar a horta das folhas velhas e plantas em fim de ciclo. Vejam aqui, neste artigo, alguns cuidados básicos de manutenção para prevenção de problemas maiores com pragas e doenças da horta. […]

  6. […] verde semeado em Setembro (com uma praga visível de […]

  7. […] gosto, basta alguma criatividade. Podem ter que fertilizar e tratar de pragas, mas existem algumas receitas para fertilizantes e bio-pesticidas feitos em casa com alguns ingredientes […]

  8. […] modo geral, basta estar um pouco atento ao desenvolvimento das plantas. Atento ao aparecimento de pragas ou alguns sinais de […]

  9. Maria do Céu Santos
    | Responder

    Bom dia pretendo um esclarecimento tenho um limoeiro para podar. Segundo o que me foi dito janeiro é melhor altura para podar. É uma informação correta. Grata. Maria do Céu.

  10. […] ainda estes artigos: insecticida natural para pragas  e tratamento de doenças da […]

Deixe um comentário