Como plantar alho na horta em casa!

O alho é uma planta bolbosa comestível utilizada para tempero e ainda para fins medicinais, sendo apreciado em todo o mundo. O alho é excelentes para a saúde e reconhecido pelo sabor único que dá à comida, fazendo por isso parte dos temperos mais utilizados. Porque é tão utilizado, não valerá a pena plantar alho na nossa horta em casa?! Além disso, é muito fácil de cultivar!

O modo mais adequado de cultivar alho é fazer a plantação dos seus bolbos por em local definitivo. A transplantação de mudas de plantas não é muito aconselhada, à semelhança de outras plantas bolbosas.

O alho desenvolve-se melhor entre os 10ºC e os 25ºC e quando chega ao fim da primavera ou início de verão, a sua folha tem têm tendência a secar, sendo este um indicador de que estão prontos para colher e guardar. Esta questão coloca-se se pretendermos preservar durante alguns meses.

Quando e como plantar alho!

Quando plantar: no final do outono até ao início da primavera, dependendo das variedades (de novembro a março). O alho plantado no inverno produz bolbos maiores do que o alho de primavera.

Gosta de ser semeado nos meses mais frios, pois vai ajudar a um melhor desenvolvimento radicular. Os dentes de alho devem ser colocados corretamente, com a parte mais fina virada para cima.

Profundidade das sementes/bolbos: 4-5 cm de profundidade, e espaçar as plantas em 20 a 25 cm, aproximadamente.

Dicas para plantar: Gosta de locais com bastante exposição solar e solos leves, que tenham boa drenagem e não tenham tendência a encharcar. As ervas daninhas devem ser retiradas e o solo deve ser mantido sempre limpo.

Quando vai plantar, deve dividir a cabeça do alho em “dentes de alho” verificando os que estão em melhor estado. Alguns dentes de alho menores e com sinais de fungos devem ser dispensados. Se estes começarem a espigar precocemente (acontece se houver stress hídrico da plana), deve ser cortada a sua haste floral.

como plantar alho

Condições de cultivo e manutenção

O alho gosta de  solos ricos em matéria orgânica que permita manter a humidade, mas não necessita de grandes preocupações com fertilização adicional. Assim, devemos adicionar composto ou húmus de minhoca na terra antes de plantar.  É ainda importante regar em dias secos evitando molhar as folhas. .

Exposição solar: Necessita de bastante luz, de preferência luz solar direta (mínimo de 5H de sol/dia).

Regar: Não gosta de solos encharcados, mas devem manter-se húmidos, pois é sensível ao stress hídrico (falta de água) nomeadamente no processo de desenvolvimento vegetativo.

Associações favoráveis: alface e cenoura, beterraba e morango

Associações desfavoráveis: ervilha e feijão

Como colher e utilizar!

Tempo para colher após semear: 150-200 dias

.Aqui em casa já experimentei cultivar alho, e apesar de não ter conseguido colher para o gasto, Além disso, adorei a experiência, pois enquanto as plantas se desenvolviam, ia utilizando algumas das suas folhas para aromatizar diversos caldos e mesmo sopas.

O cultivo de alho tem muitas vantagens na horta, devido ao seu efeito repelente. Portanto, além de outras razões, é um dos cultivos de primavera-verão que aconselho a terem na vossa horta, nem que seja apenas para colocar num pequeno vaso, juntamente com outras plantas como por exemplo alface.

Plantar alho – Outras dicas importantes

  • Não deve plantar alho, cebola e alho-francês nos mesmo sítio, nos 3 anos seguintes.
  • No jardim, o melhor local: plantar em canteiro sobre-elevado. Deve deixar de regar cerca de 15 dias antes de colher.
  • Gosta bastante de fósforo e potássio, assim, se plantar no jardim podem ser adicionadas algumas cinzas de madeira.
  • Para quebrar a dormência dos bolbos ou “dentes de alho”, podemos colocar os alhos no frio antes de semear. Por exemplo, colocar no frigorífico durante alguns dias (o ideal seriam 30 dias.

Podem ainda ver o vídeo no meu canal do youtube, onde mostro como plantar alho em canteiro.

Se gostaram deste artigo, partilhem com amigos. Vejam entretanto o calendário de workshops para 2020 com o tema ” a minha primeira horta urbana.”

Workshop – a minha 1.ª Horta urbana (Braga)

Workshop – a minha 1.ª Horta urbana (Porto)

Workshop – a minha 1.ª Horta urbana (Lisboa)

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *